Liderança

Liderança e Talento com coronavírus covid-19

Liderança e Talento com coronavírus covid-19 é um imperativo a desenvolver. Covid-19 é, por agora, sinónimo de crise, isolamento, desconhecido, ansiedade, incerteza, medo. Pessoas, sociedades, nações, mundo. Tudo e todos. Unidos no infortúnio desta pandemia.

Mas todos juntos, também somos potenciadores de mais força e agregadores de talento.

A criatividade torna-se nativa do dia-a-dia, como meio de resolução de tantos imprevistos dentro e fora do teletrabalho.

O trabalho, agora, é feito em partilha doméstica, com tudo o que isso implica de organização, adaptação e flexibilidade.

Sabemos que as competências e qualidades pessoais, sociais e interpessoais são fundamentais na prática da liderança. E são-no agora, ainda mais.

Para ajudar a tornar mais eficaz o exercício da liderança, e ao mesmo tempo, facilitar o dia-a-dia de quem tem a responsabilidade de liderar equipas em teletrabalho, agreguei quatro tipos de qualidades de liderança, que enumero de seguida.

Estas 4 qualidades representam habilidades que, quando postas em prática, facilitam enormemente o bem-estar e a capacidade de resposta para lidar com a complexidade e a incerteza da presente situação, ao mesmo tempo que permitem atenuar os seus efeitos, e melhorar a qualidade da liderança à distância.

Criatividade e Comunicação

Liderança e Talento com coronavírus covid-19

A criatividade é a capacidade visionária para observar os acontecimentos, sem julgamento, e ao mesmo tempo descobrir diferentes abordagens das habituais. Esta observação deve ser feita a partir de diferentes ângulos e perspectivas.

Por exemplo, habitualmente faz reuniões presenciais quinzenais com os seus colaboradores, que duram pelo menos 2h.

Criatividade: alterar esta prática para 1 reunião semanal, pelo menos, na qual o tempo é dividido em duas partes. Na primeira parte, os participantes podem falar um pouco de si, de como se sentem e como têm conseguido cumprir as suas tarefas. Na segunda parte, tratam-se os assuntos específicos da agenda profissional da reunião.

Neste exemplo, já se observa a importância da comunicação interpessoal, na qual, por um lado, se criou empatia com os colaboradores, e por outro, se criou uma ligação emocional entre todos, que ajuda a aumentar o desempenho e a eficácia do trabalho.

Na qualidade de líder, poderá e deverá dar palavras de encorajamento e apreço, para aumentar a colaboração e reforçar o sentimento de segurança individual e do grupo.

Colaboração e Coordenação

Liderança e Talento com coronavírus covid-19

A qualidade de colaborar é ainda mais importante agora do que antes. A colaboração, estreitamente ligada à necessidade de coordenar, dá ao líder a oportunidade de se sentir mais apto a realizar as suas tarefas.

Por exemplo, pode colocar perguntas aos colaboradores, sobre o que é que eles mais precisam de si. Com perguntas fechadas ou abertas, as respostas dar-lhe-ão material para ajustar o seu comportamento e a forma como coordena as pessoas, a fim de obter melhores resultados.

Não se trata de abdicar das responsabilidades de liderança, mas de as ajustar, de forma inteligente, ao conjunto de situações com as quais se debate.

Inteligência Emocional

Liderança e Talento com coronavírus covid-19

A inteligência emocional é a competência de saber identificar, gerir e utilizar as emoções pessoais, de forma útil e empoderada. Se ainda não teve oportunidade de aprender sobre o tema, faça-o quanto antes.

De qualquer modo este momento requer uma enorme capacidade para praticar a inteligência emocional.

Por exemplo, pode sentir-se em sobrecarga pessoal, sentir insegurança e prestes a “explodir” perante as responsabilidades.

Respire fundo e faça algumas respirações antes de agir ou tomar decisões. Isso permite-lhe afastar-se um pouco da situação, retomar a sua capacidade criativa e responder às solicitações de forma mais calma e mais visionária.

Aprenda a praticar mindfulness, para conseguir lidar com o dia-a-dia. Aqui tem mais informação de como praticar mindfulness, sem que isso represente um esforço adicional.

Adaptação e Flexibilidade

Liderança e Talento com coronavírus covid-19

Perante tão intensa situação, a adaptação é inevitável. Mas, pode adaptar-se com mais ou menos dificuldade, dependendo da sua própria natureza mais ou menos flexível.

Uma pessoa flexível é aquela que tem amplitude de movimento, a que se move de forma harmoniosa, sem rigidez.

Imagine a flexibilidade de uma bailarina com os seus movimentos corporais. Esta mesma flexibilidade também existe e se desenvolve ao nível cognitivo e emocional.

Por exemplo, um membro da equipa em teletrabalho, não cumpriu as tarefas que lhe competiam. A adaptação, neste caso, é a habilidade do líder em ter presente que todos se estão a adaptar às novas condições de trabalho. A flexibilidade é a capacidade de não julgar nem reagir negativamente, antes de saber as razões que estão por trás do não cumprimento.

Não há uma ordem de importância nestas qualidades. Todas estão em paralelo no grau de necessidade de implementação. Cada dia é algo novo a explorar, o que por si só é intenso e provoca vulnerabilidades.

No seu conjunto, estas qualidades e competências expressam também uma nova visão do Talento.

Um Talento que, no seu conjunto, evidencia uma capacidade de liderança global. É praticamente impossível separar cada situação, cada necessidade. Agora, a liderança é globalizada, pois comporta os indivíduos nas suas diferentes actividades e anseios, o núcleo da empresa na incerteza do futuro e a totalidade dos acontecimentos mundiais, que, no seu conjunto são o facto, a causa e a consequência futura. 

Numa frase, eu diria que hoje,

Esta frase expressa um conceito de talento holístico que transcende o momento situacional, revelando uma oportunidade de abertura a um modelo constante de liderança humanizada que, a partir das pessoas, irradia em múltiplas direcções.

Os líderes estão actualmente sob enorme pressão, seja face às necessidades imediatas, no âmbito das suas tarefas, seja em antevisão do futuro, e do que virá a acontecer.

Mais do que nunca, este momento é importante para ampliar conhecimento e desenvolver práticas que tenham sido ignoradas ou negligenciadas no desenvolvimento das competências de liderança.

Recomendo um programa de Coaching e a participação em acções de formação.

Para avaliação das necessidades que possa ter ou competência que quer desenvolver, pode agendar uma conversa, sem qualquer compromisso:

Para conhecer mais sobre mim e a minha competência, veja em BIO.